. .
O CRIME NÃO COMPENSAhttp://2.bp.blogspot.com/-tpcMR8HbIYE/Wc6S8nqr4xI/AAAAAAAASng/RPzAPoOJPNUZdnzD3BViYxXPUhf-7UQ1QCK4BGAYYCw/s400/

18 de maio de 2018

8 suspeitos de envolvimento no crime do Capitão Oliveira são mortos em confronto com a polícia

Outras três pessoas foram presas na ação da Polícia Civil de Sergipe que ocorre em municípios de Sergipe e Bahia.






                                                                                                                                                                                                                            Na madrugada desta sexta-feira (18), três pessoas foram presas e outras oito morreram em confronto com a Polícia Civil de Sergipe em uma operação deflagrada para prender os suspeitos de envolvimento na morte do Capitão Oliveira, executado a tiros na noite desta quarta-feira (4) dentro de um veículo em uma estrada do município de Porto da Folha (SE). A operação ocorreu nos estados de Sergipe e Bahia.
De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o operação foi coordenada pelo Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope), que se baseou nas informações checadas através do número 181 e investigação policial. Dos oito mortos, dois foram no Bairro Santa Maria, em Aracaju (SE), dois em Poço Redondo (SE), um em Paulo Afonso (BA), dois em Barreiras (BA) e mais um em Pedro Alexandre (BA).
Ainda segundo a SSP, a ação contra o comandante da Caatinga mantém relação com um trabalho contra pistolagem na região Norte da Bahia e Alto Sertão de Sergipe. “A operação aconteceu em setembro de 2017 e prendeu um trio relacionado com o crime de pistolagem na Bahia, Sergipe e Alagoas e tinha como foco em Pedro Alexandre, na Bahia”, diz a nota.
 A polícia também acredita que o grupo tenha envolvimento com as mortes do presidente da Câmara Municipal de Carira, Jailton Martins, um vereador de Poço Redondo e um ex-prefeito do município de Pedro Alexandre, na Bahia. “Eram pessoas muito perigosas e todas identificadas. A operação continua e haverá desdobramentos em todo o final de semana, possivelmente na próxima segunda-feira”, disse o assessor de comunicação da SSP, Lucas Rosário.

O crime
O comandante do Pelotão da Companhia Especializada em Operações Policiais em Área de Caatinga (Ceopac), capitão Manoel Oliveira, foi executado a tiros na noite desta quarta-feira (4) dentro de um veículo em uma estrada do município de Porto da Folha (SE), Alto Sertão do Estado.



Segundo a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP), homens armados, em dois veículos Corolla, abordaram o oficial da PM e efetuaram vários disparos, próximo ao local onde fica a sede da unidade da Policia Militar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Art. 220º da Constituição Federal: A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.