. .

21 de novembro de 2016

Rapaz se casa com cobra que ele acredita ser a reencarnação de sua amada

A serpente guardaria semelhanças com a namorada que faleceu
Nós aqui já falamos a respeito de uma porção de histórias de amor, digamos... peculiares, como é o caso da britânica que se apaixonou perdidamente pela Estátua da Liberdade e o do homem que resolveu investir em um relacionamento com uma boneca.

Nós inclusive já falamos por aqui sobre pessoas que se casaram com animais — no entanto, apesar de essas notícias não serem assim tão raras, elas sempre causam algum espanto.

O caso sobre o qual vamos falar hoje envolve um rapaz — cuja identidade não foi revelada — que decidiu se casar com sua cobra de estimação, um animal com pouco mais de três metros de comprimento. O motivo? Segundo Stephen Jones, do portal Mirror, o jovem está convencido de que a serpente é a reencarnação de sua namorada que faleceu há cinco anos. E por que ele pensa isso? Porque o réptil seria parecido com a moça morta. 
Amor animal 
Apesar de não haver muita informação a respeito do jovem e sua amada cobra, aparentemente, os dois moram na Tailândia e, de acordo com um amigo do casal, a história entre os dois teria começado quando o rapaz olhou para a serpente e notou uma incrível semelhança entre o animal e sua falecida namorada.

Segundo pessoas próximas ao jovem, ele teria se baseado na fé budista — que defende a ideia de que pessoas podem reencarnar na forma de animais — para iniciar o relacionamento com a cobra. Desde então, o rapaz voltou a encontrar a felicidade e tenta passar o máximo de tempo possível ao lado de sua amada.

De acordo com Stephen, as imagens que mostram o casal juntinho teriam sido registradas por um homem chamado Worranan Sarasalin, e trazem vários momentos felizes entre os dois, como viagens que eles fizeram — veja abaixo:

Também existem cliques nos quais o jovem e a serpente podem ser vistos assistindo à televisão, fazendo passeios no parque, se exercitando na academia e até curtindo jogos de tabuleiro juntos. Confira a seguir:

Amor inusitado

Amor inusitado

Amor inusitado

Amor inusitado

Segundo disse Sarasalin, o fotógrafo oficial do casal, todos na comunidade conhecem o rapaz como “o moço que mora com a cobra”, e diversas pessoas já o alertaram sobre os perigos de manter tamanha proximidade com o réptil. No entanto, o jovem optou por ignorar os avisos e investir no relacionamento.

http://veposcedoca.blogspot.com.br/
Estaria o rapaz apaixonado ensinando a amada a dirigir?
(Fotos: Reprodução)
E você, caro leitor, o que acha dessa história de amor — pra lá de — bizarra? Acha mesmo que esse papo de casal é sério ou tudo não passa de uma brincadeira para chamar a atenção?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Art. 220º da Constituição Federal: A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.