. .

3 de outubro de 2016

Novo tiroteio deixa um morto em morro na região central do Rio

O reforço de policiamento nas imediações do Morro da Coroa

Apesar do reforço no policiamento no Morro da Coroa, em Santa Teresa, houve troca de tiros entre policiais do Batalhão de Choque, que ocupam a favela desde sábado, e traficantes, no início da madrugada desta segunda-feira. No confronto, um criminoso foi baleado e morreu após dar entrada no Hospital Souza Aguiar. Policiais afirmam que o bandido portava uma arma e munição, além de um rádio transmissor e drogas. Na manhã desta segunda-feira, não há registros de tiros na região.
Neste domingo, a informação de que traficantes do Morro da Coroa estariam planejando novos ataques a comunidades rivais começou a circular na comunidade. A trégua nos confrontos teria ocorrido devido às eleições e terminou às 17h com um toque de recolher.
O recado também foi dado a moradores de prédios localizados nas imediações da Rua Itapiru, no Rio Comprido, Zona Norte do Rio.
— Por volta de 15h45m, passaram gritando na rua dizendo que os confrontos iriam recomeçar assim que acabasse o horário da eleição, às 17h. Minutos depois, porém, já se ouviam muitos tiros, e o povo todo correndo na rua. Temos dois colégios grandes por aqui que abrigam dezenas de zonas eleitorais. O movimento estava grande, mas depois disso a rua ficou vazia — conta um morador da Rua Itapiru que preferiu não se identificar.
A informação de que traficantes do Morro da Coroa estariam planejando novos ataques a facções rivais começou a circular na comunidade durante a tarde, aumentando ainda mais o clima de medo. Nas redes sociais, houve relatos de carros voltando na contramão na Rua do Matoso.
De acordo com o comando das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP), a região segue com o policiamento reforçado. A Polícia Militar informou que há reforços de agentes do COE (Comando de Operações Especiais), além de policiais cedidos de outras UPPs e batalhões da área. Não há registros de novas prisões ou apreensões na região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Art. 220º da Constituição Federal: A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.