. .

10 de outubro de 2016

No RN, polícia investiga sumiço de adolescente desaparecida há 14 dias

A Polícia Civil investiga o sumiço de uma adolescente de 13 anos que desapareceu há 14 em Parelhas, cidade do Seridó potiguar. Sthefanny Rilleny da Silva, de 13 anos, foi vista pela última vez no dia 27 de setembro, quando desembarcando na rodoviária de Natal acompanhada por um homem. 

De acordo com José Marcos de Lima, primo de Stefanny, ela nunca havia saído de Parelhas. "Na manhã do dia 27, ela foi até a rodoviária da cidade e pegou um ônibus com destino a Natal", afirmou.


 "Nós assistimos ao vídeo das câmeras de segurança que mostra ela acompanhada de um homem que é um conhecido nosso. Ele é daqui de Parelhas, mas tem negócios em Natal e sempre vai para lá. Ele confirmou que foi com ela até Natal, mas disse que estava só ajudando, que ela pediu para ele ajudá-la a chegar lá", disse o primo. 
Por meio de nota, a Polícia Civil informou que a Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (Decap) está investigando o caso. A polícia também pede que qualquer informação sobre o paradeiro de Sthefanny seja informada por meio dos telefones da Decap: (84) 3232-7867, 3232-7855 ou 3232-7078. As informações repassadas para a Polícia têm sigilo garantido. 


"A família toda está aflita em busca de informações. Fazemos um apelo para quem puder contribuir de qualquer forma para encontrá-la: Entrem em contato com a polícia e nos ajudem a encontrar Sthefanny", apela José. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Art. 220º da Constituição Federal: A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.