. .

30 de outubro de 2016

HOMEM É PRESO SUSPEITO DE MATAR A PRÓPRIA MÃE NO INTERIOR DE ALAGOAS

 Um homem foi preso suspeito de matar a própria mãe a facadas na zona rural do município de São José da Laje, no interior de Alagoas, na noite de sexta-feira (28). De acordo com a polícia, o suspeito, que não teve a identidade divulgada, foi preso em flagrante.  O caso foi registrado no povoado Calderões, na zona rural. De acordo com o 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM), que atendeu à ocorrência após denúncias de vizinhos da casa onde ocorreu o crime, o homem foi preso já na entrada da cidade. A motivação do crime é desconhecida.  A arma do crime, uma faca peixeira, foi apreendida ainda suja de sangue. Ela e o homem preso foram levados para a Delegacia de União dos Palmares.  A vítima também não teve a identidade divulgada. O Instituto Médico Legal (IML) e o Instituto de Criminalística (IC) estiveram no local para os procedimentos devidos.
Caso foi registrado na noite de sexta-feira (29), na zona rural da cidade. Homem foi preso logo depois do crime; motivação é desconhecida/Foto: PM

Um homem foi preso suspeito de matar a própria mãe a facadas na zona rural do município de São José da Laje, no interior de Alagoas, na noite de sexta-feira (28). De acordo com a polícia, o suspeito, que não teve a identidade divulgada, foi preso em flagrante.

O caso foi registrado no povoado Calderões, na zona rural. De acordo com o 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM), que atendeu à ocorrência após denúncias de vizinhos da casa onde ocorreu o crime, o homem foi preso já na entrada da cidade. A motivação do crime é desconhecida.

A arma do crime, uma faca peixeira, foi apreendida ainda suja de sangue. Ela e o homem preso foram levados para a Delegacia de União dos Palmares.

A vítima também não teve a identidade divulgada. O Instituto Médico Legal (IML) e o Instituto de Criminalística (IC) estiveram no local para os procedimentos devidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Art. 220º da Constituição Federal: A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.