. .

30 de outubro de 2016

Avenida Brasil tem média de quatro roubos a ônibus por dia em 2016

O ônibus que foi assaltado na última quarta-feira
A Avenida Brasil - a maior e mais importante via do Rio - teve uma média de quatro roubos a ônibus por dia em 2016. Foram 1.300 casos registrados na Polícia Civil até a última quarta-feira, de acordo com levantamento feito pelo nosso PORTAL. Os casos subiram 170% em relação ao mesmo período do ano passado, que teve 480 ocorrências. Na última quarta-feira, um criminoso tentou assaltar um coletivo na via com uma submetralhadora, mas acabou sendo morto por um passageiro, que seria policial e estava armado.
O aumento dos índices na Avenida Brasil é superior ao crescimento de casos em todo o estado e na cidade do Rio entre janeiro e agosto deste ano, segundo dados do Instituto de Segurança Pública - o primeiro subiu 61,6% no período (de 4.915 para 7.943) e o segundo, 42,6% (de 2.907 para 4.146).

O delegado Wellington Vieira, titular da 21ªDP (Bonsucesso), unidade responsável por parte da via, afirma que o patrulhamento na Brasil precisa ser intensificado para que haja diminuição no número de casos.
- Ali, há uma configuração geográfica muito específica, diferente das linhas Amarela e Vermelha. Em sua totalidade, ela é cortada por favelas e tem diversas rotas de fugas. Da Avenida Brasil para o Parque União, por exemplo, o sujeito leva dois minutos. Nós já temos todas essas rotas mapeadas, mas é preciso uma atuação mais enérgica da PM, do Batalhão de Vias Especiais - analisa.
O assaltante estava com uma submetralhadora
O assaltante estava com uma submetralhadora Foto: Fabiano Rocha
Segundo Wellington, a delegacia possui um book com fotos de mais de mil suspeitos de assaltarem ônibus na Avenida Brasil. Ele afirma ainda que o horário mais crítico em sua área é entre as 18h e as 22h, quando há movimento de volta do trabalho.
A assessoria de imprensa da PM informou que o patrulhamento na Avenida Brasil é feito pelo Batalhão de Policiamento em Vias Expressas de forma ostensiva com rondas de viaturas e motocicletas. “O batalhão possui uma unidade de Policiamento Transportado em Ônibus Urbano (PTOU) que realiza operações específicas de abordagem e revista a veículos e coletivos ao logo da via para coibir ações criminosas”, diz a nota.
A PM informou que o BPVE tem baseamento de equipes em pontos estrategicamente definidos de acordo com a incidência criminal. O batalhão está recebendo reforço. Ainda de acordo com a corporação, entre julho e setembro deste ano, os PMs prenderam 102 pessoas que praticavam crimes na Av. Brasil. Treze armas e dez quilos de maconha foram apreendidos.
O assalto da última quarta-feira está sendo investigado pela Divisão de Homicídios (DH). O criminoso que tentou assaltar o coletivo estava com um comparsa, que conseguiu fugir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Art. 220º da Constituição Federal: A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.